Busca

O UNIVERSO MUSICAL
Quem Somos
Expediente
Cadastro
Publicidade
Fale Conosco
LINKS EXTERNOS
Blog
Universo Produções
Site Marcos Bin
Orkut
MySpace
Enquete
Você é a favor do ensino obrigatório de música nas escolas, como defendem alguns artistas? Acesse nosso blog e dê sua opinião!
  Como serão os DVDs de Kelly Key e Wanessa Camargo

Fotos divulgação
Coerente com o público infantil que lotou o Canecão na gravação de seu 1º DVD, Kelly Key maneirou no visual, usou sua infalível boina e cantou músicas do universo das crianças
Kelly Key foi a primeira a começar a produção de seu DVD. A gravação aconteceu em um supershow da cantora no Canecão, no dia 27 de julho – na verdade a estréia dela na tradicional casa de shows de Botafogo – que foi produzido pela Academia de Filmes e dirigido por Karina Ades, que trabalhou em seus três últimos clipes: Anjo, Cachorrinho e Adoleta. Para quem pensa que ela só faz playback, Kelly dá a resposta no palco: a cantora conta com uma ótima banda, formada por Caíque (teclados), Pedro Mamede (bateria), Luciano Leal (baixo), Alexandre Reis (guitarras), Tina e Gabriela (vocais), além de sete bailarinos, sob a coreografia de Eduardo Neves. O nome do disco, previsto para outubro, será o mesmo de seu segundo e mais novo CD: Do Meu Jeito.
A data (fim de férias) e o horário (19h, uma matinê) já indicavam o público da casa: crianças, é claro, milhares delas, grande parte usando a boina do ídolo, nova febre do Rio de Janeiro. Kelly Key foi coerente com sua platéia – maneirou nas roupas e coreografias sensuais, cantou seus sucessos que não saem da boca das crianças (Baba, Cachorrinho, Só Quero Ficar e Adoleta) e antigos hits que permeiam o universo infantil: Lindo Balão Azul (Guilherme Arantes), Superfantástico (Balão Mágico) e Biquíni de Bolinha Amarelinha (Blitz). Outros dois covers, esses mais atuais, também eram bastante conhecidos pela criançada: o chiclete Já Sei Namorar e Velha Infância (título mais apropriado para o momento, impossível), dos Tribalistas.
Em Como Eu Quero, Kelly Key retribuiu a homenagem que o Kid Abelha fez em seu recente DVD Acústico MTV, no qual Paula Toller canta um trecho de Baba. “Adoro essa música. Ela é muito alegre; lembra o começo da gente”, disse Paula, na gravação do disco, ano passado. Ainda da seara nacional, Kelly cantou três clássicos da Jovem Guarda, Banho de Lua, Estúpido Cupido e Pare O Casamento.
Mas é claro que a cantora não poderia deixar de fora a nítida influência da música americana em sua carreira. Dois de seus ídolos marcaram presença: Shakira, com a interpretação de Ojos Asi, e Madonna, com uma trecho de Holiday. Isso sem citar a musa-mor Britney Spears, presente durante a hora e meia de show, tanto no visual quanto nos gestos de Kelly Key.
As imagens do show também serão usadas para o clipe da próxima faixa de trabalho do CD Do Meu Jeito, Chic Chic. Pelo sucesso do espetáculo e pelo bom momento vivido pela cantora, esta certamente será apenas a segunda faixa de trabalho de um disco – e de uma carre
Acompanhada da diretora Marlene Mattos, Wanessa Camargo, usando equipamento de patins, observa como vão as gravações de seu 1º DVD no Recreio dos Bandeirantes, no Rio
ira – que ainda dará muito o que falar.


Wanessa Camargo reencontra Marlene Mattos

Wanessa Camargo começou a produção de seu DVD nos dias 12 e 13 de agosto em um estúdio da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, onde gravou uma entrevista e fez uma sessão de fotos. Previsto para novembro, o DVD – que é dirigido pela empresária Marlene Mattos, que trabalhou com Wanessa quando ela apresentava o programa “Jovens Tardes” – será completado com um show que a cantora gravará no ATL Hall nos dias 20 e 21 de setembro.
Na entrevista feita no estúdio, Wanessa lembra a infância difícil, fala da influência da família na carreira – que começou com ela, quando Wanessa era bailarina do pai Zezé di Camargo e do tio Luciano – a vida nos Estados Unidos e os amores. “Não tive sorte no amor ainda”, diz ela, que se separou recentemente do último namorado, o ator Erick Marmo. A cantora aproveitou o estúdio para fazer ainda o videoclipe da terceira faixa de trabalho de seu novo disco, Filme de Amor. O clipe da segunda faixa de trabalho, Sem Querer, está concorrendo ao Video Music Brasil da MTV na categoria “Escolha da Audiência”.
Além das imagens de estúdio e do show, que deverá reunir os principais sucessos de seus três discos, o DVD contará com imagens externas que Wanessa gravou no Recreio dos Bandeirantes, andando de patins e bicicleta e caminhando pela praia. O nome do DVD e do show, escolhido por Marlene Mattos, será Transparente. “Sou muito transparente. Falo e faço o que eu quero e não acho que isso seja um defeito”, diz Wanessa, em um trecho da entrevista liberada pela BMG. Marlene, em entrevista à gravadora, concorda: “Acho isso bonito na Wanessa. Ela não tem medo de nada. Se entrega mesmo. Quando está apaixonada, então...”
Assim como a gravação do DVD de Kelly Key marcou sua estréia em um grande palco carioca, a temporada de Wanessa Camargo no ATL Hall fará o début da cantora no Rio de Janeiro. Ela que, em março deste ano, protagonizou uma superprodução na casa paulistana Olympia, em três shows que, graças a uma escolha pessoal da cantora, foram abertos pelo DJ Cuca, ninguém menos senão o grande responsável pelo estouro de Kelly Key (ele assina a produção, os arranjos e duas faixas do CD de estréia de Kelly). Como coincidência pouca é bobagem, as duas musas estão com 20 anos de idade. O destino uniu essas duas estrelas que, não tem jeito, nasceram mesmo pra brilhar.



Veja mais:


  Musas ‘teen’ aderem à moda do DVD
 
Graça Music anuncia novidades à imprensa

Grupo Toque no Altar nos Estados Unidos

Metade do Pink Floyd em disco ao vivo de David Gilmour

Oasis mantém o (bom) padrão com Dig Out Your Soul
 
Confira outras matérias
desta seção
 

 

       

 
 
Copyright 2002-2008 | Universo Musical.
É proibida a reprodução deste conteúdo sem autorização escrita ou citação da fonte.
 
Efrata Music Editora Marcos Goes Marcelo Nascimento Dupla Os Levitas Universo Produções